Tags

, , , , ,

  
 

O Madeimoselle foi o segundo batom da Channel que eu comprei na vida, e é um favorito desde então.
O meu primeiro foi comprado na Macys em NY, mas ele quebrou! Já estava quase no final, então continuei usando com um pincél de boca para aplicar. Eu acredito que ele quebrou porque eu deixei na minha bolsa no carro e como o dia estava muito quente ele meio que derreteu. Mas como essa cor foi #amor, eu resolvi dar uma nova chance.

Nessa viagem aproveitei que no duty free europeu os produtinhos da Chanel são mais baratos (e também não sofrem aquela famigerada taxa de quase 10% cobrada em NY) e me “dei de presente” um novo batom da mesma cor.

Devo dizer que eu já havia tentado comprar essa mesma cor no duty free brasileiro, provavelmente no Terminal 5 do aeroporto de Guarulhos mas ele estava esgotado. Concluo então que é um queridinho das mocinhas por aí também.

A cor do Madeimoselle é um cor de boca com personalidade, eu diria. Significa que não e um batom totalmente nude, ele puxa para um tom mais forte. A embalagem é súper tradicional, preta com o interior e os detalhes em dourado.

A duração e excelente, normalmente aplico de manhã e apenas renovo depois da rotina de almoço (comer e escovar os dentes requer re-aplicação). Mas se uso para uma festa não costumo precisar reaplicar.

O que eu mais gosto dos batons da Chanel é o fato de que eles “secam” na boca, ou seja, se você esperar um tempinho pós aplicação para o batom ser incorporado pelos lábios, pode tomar vinho sem deixar marca na taça, ou beijar o marido sem deixar ele todo manchado.

Claro que o batom da Chanel não é baratinho em nenhum lugar do mundo, no Duty free europeu eu paguei 29 euros, na Chanel nos EUA são 35 dólares (mais a respectiva taxa do estado) e no Brasil, de acordo com o google, então me corrijam se eu estiver errada, 120 reais.

E vocês meninas, possuem algum batom da Chanel favorito? Ou qual o batom cor de boca preferido?

xoxo

Q

   
   

Anúncios